Logo Blog.easytravelshop

Maceió tem roteiro rico em história e natureza

Maceió, a linda capital alagoana tem belas praias com coqueirais e um incrível mar com coloração que varia entre o azul-turquesa e o verde-esmeralda. O visual lembra muito o Caribe, porém com a alma brasileira. A sensação de brasilidade pode ser percebida nas manifestações culturais, na diversificada gastronomia e no rico folclore.

A origem de Maceió não é clara. Alguns historiadores dizem que ela surgiu a partir de um antigo engenho de açúcar por volta do século 18. Já outros acreditam que o seu nascimento está ligado a uma pequena vila de pescadores.

Atualmente, turistas brasileiros e de todas as partes do mundo procuram o destino para vivenciar suas atrações. Principalmente as praias e as impressionantes piscinas naturais. Uma boa alternativa para conhecer a capital alagoana e regiões próximas é fazer um city tour panorâmico, que percorre os principais pontos turísticos.

Maceió tem praias lindas e badaladas

Orla de Maceió
Foto: Divulgação/SEDETUR ALAGOAS/Wesley Menegari

As praias são sem dúvida a atração maior de Maceió. Principalmente as de Ponta Verde, Jatiúca e Pajuçara. Elas ocupam seis quilômetros da orla e estão estruturadas com calçadão, ciclovia, restaurantes, bares e quiosques com música ao vivo.

Um pouco mais distante estão Pratagy, Ipioca, Paripueira ou Costa Brava, todas mais tranquilas e localizadas ao Norte da cidade. As duas últimas têm piscinas naturais. E a apenas cerca de nove quilômetros do centro de Maceió está Garça Torta, uma boa opção que não decepciona.

No lado Sul estão as praias mais badaladas e belas de Alagoas: Barra de São Miguel, Praia do Gunga e a Praia do Francês, distantes cerca de 33 km da capital alagoana.

E, por fim, não deixe de programar uma visita à Praia do Saco, que é chamada também de Saco da Pedra. Ela é encantadora e está localizada em uma reserva ecológica que pertence à Ilha de Santa Rita. Há duas formas de chegar até ela: caminhando durante a maré baixa ou contratar um passeio de barco.

Um giro pelo Centro Histórico de Maceió

Maceió Centro Histórico
Centro Histórico de Maceió (Foto: Divulgação/SEDETUR-Alagoas)

Depois que você conheceu as principais praias da região, dedique algumas horas para um passeio pelo Centro Histórico de Maceió. Ele abriga um importante conjunto arquitetônico com igrejas, centros culturais e museus.

Comece o passeio pela Praça Dois Leões, onde está a igreja mais antiga da cidade, a de Nossa Senhora do Povo, construída em 1820. No centro da praça está o obelisco erguido em homenagem à Independência do Brasil. Na região central também estão a Catedral Metropolitana, o Teatro Deodoro e o Palácio Floriano Peixoto.

Possibilidades de boas compras

Também no centro da cidade está o Mercado de Artesanato, endereço certo para quem quiser comprar lembrancinhas. O lugar reúne diversas lojinhas que vendem desde roupas de cama e de banho, cerâmicas, bolsas, cintos e sapatos até castanha de caju, doces, cachaças e pimentas. Outra opção para as compras é a famosa Feira de Artesanato, em Pajuçara.

A cidade começou a se desenvolver na região chamada Jaraguá. Em suas ruas centenárias viviam as elites abastadas de Alagoas. Ainda podem ser vistos alguns antigos casarões, armazéns e escritórios das usinas de cana-de-açúcar que resistiram ao tempo e à chegada dos prédios modernos. Alguns desses locais foram transformados em restaurantes, bares, boates e até casas de shows. Antigo reduto da boemia, o bairro atualmente é a principal referência comercial da cidade.

Pôr do sol no Pontal da Barra

Como já dissemos em outras publicações sobre Maceió, a capital de Alagoas tem outros atrativos além das paradisíacas praias e piscinas naturais. Uma das atrações que deve constar no roteiro de viagem é um passeio até o Pontal da Barra, um bairro histórico e tombado no Litoral Sul da cidade, curtir o maravilhoso espetáculo do pôr do sol à beira da lagoa de Mundaú.

Com 23 quilômetros quadrados, Mundaú é considerada uma das lagoas mais importantes do País. Ela está ligada com o mar através de uma grande rede de canais, que formam pequenas ilhas. O vasto manguezal e a grande variedade de peixes, crustáceos e moluscos são características do lugar. No meio da lagoa a Ilha Carlito é outro ponto de atração para os turistas, que têm à disposição um restaurante e redes para o descanso. Agradáveis passeios de catamarã são realizados diariamente.

O passeio das nove ilhas também é muito famoso por lá. Realizado a bordo de um catamarã ou lancha, percorre pequenas ilhas na lagoa Mundaú e no encontro dela com o mar.

O Pontal da Barra, localizado na divisa com o município de Marechal Deodoro, entre a lagoa de Mundaú e a Praia do Pontal, possui uma característica bastante peculiar. Em suas ruas estreitas e tranquilas, moradores vendem artesanato na frente de suas residências. A principal delas é chamada de “Rua das Rendeiras”, onde artesãs produzem e vendem peças de filé, renda típica de Alagoas.

Há, também, bons restaurantes que servem pratos típicos do Nordeste. Destaque para os peixes, frutos do mar, camarão, polvo, lula, entre outros. Sempre presente nos cardápios estão o sururu e o maçunim, que são extraídos da lagoa.

Praia do Pontal

Com pouco movimento durante a semana, atrai muitas famílias em busca de tranquilidade. Surfistas também frequentam a praia por causa das ondas fortes. Ao sul as águas do mar se encontram com as da lagoa Mundaú.

Mas é bom tomar cuidado com os banhos durante a maré alta. A praia não tem barreira de corais, que normalmente tira a força das ondas.

Assim, depois de um dia cheio, o melhor programa no final da tarde é sentar em um dos barzinhos à beira da lagoa, pedir uma bebida e apreciar o esplendor do pôr do sol.

Dunas de Marapé

Saindo de Maceió com destino à Dunas de Marapé, o ponto turístico está localizado no Litoral Sul, em Jequiá da Praia. Com incrível beleza exótica, o lugar é um paraíso ecológico formado entre a Praia de Duas Barras e o Rio Jequiá. 

 

Foto de destaque: Pixabay

Matérias mais recentes

Recomendado para você

Notícias mais lidas da semana