Logo Blog.easytravelshop

Fernando de Noronha: um paraíso natural brasileiro

Fernando de Noronha

Dificilmente a brasileiríssima Fernando de Noronha não figuraria em uma lista com as ilhas mais paradisíacas do mundo. Dona de beleza natural impressionante é também um dos melhores pontos de mergulho do País. Reconhecida internacionalmente, a Praia do Sancho é um dos principais cartões postais do destino, eleita várias vezes como a mais bonita do mundo. Suas águas em tons azul-turquesa impressionam os visitantes. Tem ondas tranquilas e é ótima para banho de mar.

Mas isso é apenas a ponta do iceberg, ou melhor, a parte visível de uma cadeia de montanhas submersas nas águas do Oceano Atlântico. Sim, porque Noronha – como é carinhosamente chamada – é um vulcão extinto há milhões de anos. O arquipélago composto por 21 ilhas, ilhotas e rochedos de origem vulcânica é, desde 2001, considerado pela Unesco como um Patrimônio Mundial Natural.

Fernando de Noronha
Praia do Sancho (Foto: Hans von Manteuffel/Setur-PE)

Distante 545 quilômetros da costa de Recife, Pernambuco, a ilha principal, que também se chama Fernando de Noronha, é a única habitada e tem apenas 17 quilômetros quadrados. Para preservar a natureza local, o turismo é praticado de maneira sustentável e o acesso dos visitantes é controlado e é cobrada uma Taxa de Preservação Ambiental (TPA). O valor é calculado de acordo com o tempo de permanência no arquipélago. Diariamente, apenas 420 pessoas podem entrar na ilha. A taxa pode ser paga no aeroporto no momento do desembarque ou pela internet.

Arquipélago tem praias encantadoras

O arquipélago de Noronha é um santuário ecológico rico em vida marinha e encanta por sua beleza natural. Dentro desse cenário deslumbrante estão 16 praias com areias claras e águas cristalinas. Entre elas, destaque para a da Conceição, do Boldró, da Atalaia, do Cachorro, da Raquel, da Ponta da Air France e do Leão, além da Baía dos Porcos, Baía dos Golfinhos, Baía do Sueste e Buraco da Raquel. As máscaras e o snorkel são equipamentos indispensáveis em qualquer uma delas. E quem quiser aproveitar ainda mais, poderá fazer um mergulho de batismo com cilindro, acompanhado por um mergulhador habilitado e chegar a até 12 metros de profundidade.

Praia da Atalaia Fernando de Noronha
Praia da Atalaia (Foto: Hans von Manteuffel/Setur-PE)

Para ter uma visão geral do destino, o ideal é realizar um passeio de catamarã pelas principais praias logo no primeiro dia. Ou um tour completo por toda a ilha. Assim, em aproximadamente 8 horas, o visitante irá conhecer os pontos mais famosos de Fernando de Noronha. Nos demais dias poderá voltar àqueles que mais chamou a atenção e explorar com mais tranquilidade.

Fernando de Noronha - Passeio de Catamarã
Passeio de catamarã (Foto: Hans von Manteuffel/Setur-PE)

Fernando de Noronha tem duas costas, a mar-de-dentro – de frente para o continente – e a mar-de-fora – voltada para a África. As praias mais bonitas da ilha estão voltadas para a costa brasileira: Sancho, Baía dos Porcos e Cacimba do Padre. Também é deste lado que o sol se põe, atração que reúne turistas e nativos nas praias da Conceição e do Boldró.

Vila dos Remédios - Fernando de Noronha
Vila dos Remédios (Foto: Hans von Manteuffel/Setur-PE)

Em todas elas, a rica vida marinha é surpreendente. E não se esqueça que o diferencial da ilha é que lá não irá encontrar infraestrutura como barracas, banheiros e chuveiros a beira mar. Por isso, é bom sempre levar água e lanche na mochila. O lixo, claro, tem que ser recolhido e guardado para na volta ser depositado nos recipientes específicos para reciclagem.

Durante o mês de setembro, as praias ficam extremamente calmas e a visibilidade chega a 50 metros de profundidade. Já entre dezembro e março, o vento e as correntes transformam as praias do mar-de-dentro no palco ideal para a prática do surfe. Não por acaso, Noronha é conhecida como o “Havaí brasileiro”.

Outros atrativos em Fernando de Noronha

Vila dos Remédios - Fernando de Noronha
Vila dos Remédios (Foto: Hans von Manteuffel/Setur-PE)

Quem conseguir sair das praias irá encontrar uma série de outros atrativos no arquipélago. Entre eles, a Vila dos Remédios, as ruínas do Forte São Pedro do Boldró e da Fortaleza Nossa Senhora dos Remédios, lugares ideais para contemplar o espetacular pôr do sol na ilha.

As crianças adoram o Museu do tubarão, na Trilha do Atalaia, onde estão expostas arcadas dentárias do peixe em vários tamanhos, e o Projeto Tamar, que atua na preservação de animais marinhos. 

Foto de destaque: Divulgação/Ministério do Turismo

 

Matérias mais recentes

Recomendado para você

Notícias mais lidas da semana