Logo Blog.easytravelshop

Coimbra dos fados e tradições

Coimbra dos fados e tradições

Principal cidade do Centro de Portugal, Coimbra foi a primeira capital portuguesa. Em um giro pelo destino os visitantes encontram construções medievais do século 13 – pátios, escadas e arcos – que convivem harmoniosamente com outras modernas.

Construída às margens do Rio Mondego e em cima de uma montanha, Coimbra é dividida entre a parte alta e a baixa. Na Cidade Baixa estão as construções medievais e ruas estreitas onde se concentra o comércio. Já na Cidade Alta está a universidade no seu ponto mais elevado. É lá que acontecem os principais eventos da vida acadêmica local, além de abrigar as muitas repúblicas de estudantes e pontos turísticos.

Coimbra dos fados e tradições
Foto: Pixabay

 

Em Coimbra não faltam locais emblemáticos como o Mosteiro de Santa Clara-a-Velha, a Sé Velha e as igrejas de São Tiago, São Salvador e Santa Cruz; a Quinta das Lágrimas e, claro, a Universidade de Coimbra – fundada em 1290 e considerada uma das mais antigas do mundo.

Mosteiro de Santa Clara-a-Velha

Foi construído em 1314 a mando de D. Isabel de Aragão, a Rainha Santa, na margem do Rio Mondego. Ele substituiu um pequeno convento de monjas clarissas fundado em 1286. A arquitetura da época destaca a grande igreja e o claustro; bem como a abóbada em pedra que cobre as três naves.

No final do século 20 o Mosteiro passou por profundas obras de recuperação. Atualmente, dispõe de uma área de lazer em um amplo percurso ao ar livre que engloba a igreja e as estruturas arqueológicas restauradas.

  • Centro Interpretativo –  Espaço com exposição de objetos históricos, bem como apresentação audiovisuais com a história do local e a sua requalificação.

Santa Clara-a-Nova

Santa Clara-a-Nova em Coimbra
Foto: Travelpedia

 

No século 17, o rei D. João IV mandou construir em um ponto alto da cidade, o novo convento que ficou conhecido como de Santa Clara-a-Nova, para onde as freiras se mudaram em 1677.

Mosteiro de Santa Cruz

Às margens do Rio Mondego, o Mosteiro de Santa Cruz é um dos mais antigos e importantes monumentos de Coimbra. Foi fundado em 1131 pelos cônegos Regrantes de Santo Agostinho no exterior das muralhas que rodeavam a cidade. Abriga o túmulo do primeiro rei de Portugal, Dom Afonso Henriques, bem como o de seu filho D. Sancho I.

Sé Velha

Um dos principais monumentos de Coimbra, o templo em estilo maneirista possui interiores amplos. Em suas escadas acontece a serenata monumental em que os estudantes trajando capas negras cantam com muito sentimento o Fado de Coimbra.

Quinta das Lágrimas

Quinta das Lágrimas em Coimbra
Quinta das Lágrimas (Foto: Visit Centro de Portugal/divulgação)

 

Cenário do romance de D. Pedro e Inês de Castro. De acordo com uma lenda portuguesa, foram as lágrimas de Inês que deram origem à Fonte das Lágrimas e seu sangue pintou de vermelho as algas rubras que crescem na água.

Rodeada por belos jardins, a Quinta das Lágrimas foi também o local onde D. Pedro colocava cartas de amor em barquinhos de madeira, para que suas mensagens chegassem até o exílio de Inês pelas águas da Fonte dos Amores, alimentada pelo Rio Mondego.

Mosteiro de Alcobaça

Mosteiro de Alcobaça em Coimbra
Mosteiro de Alcobaça (Foto: Visit Centro de Portugal/divulgação)

 

Local onde estão os túmulos de Pedro e Inês. Construídos com pedra branca e com riquíssimos em detalhes, estão um de frente para o outro. Além disso, o prédio é um dos mais impressionantes exemplares da arquitetura cisterciense e foi eleito como Patrimônio da Humanidade pela UNESCO em 1989. O espaço é aberto para visitação.

Parque Verde do Mondego

Parque Verde do Mondego em Coimbra
Parque Verde do Mondego (Foto: Yaroslav Talyzin/Unsplash)

 

Localizado junto ao Rio Mondego, o parque tem esplanadas, áreas para lazer e prática de esportes. Além disso, há o Pavilhão Centro de Portugal, onde são realizadas manifestações culturais.

Museu Nacional Machado de Castro

Guarda um importante acervo de ourivesaria, escultura e pintura. Destaque para o Criptopórtico romano, que pode ser visualizado no quiosque multimedia em imagens de 360º.

Portugal dos Pequenitos

Ideal para passeio com crianças, é um parque temático com espaços amplos e jardins onde estão réplicas em miniatura de diversos monumentos e casas tradicionais de Portugal.

Universidade de Coimbra

Universidade de Coimbra
Universidade de Coimbra (Foto: Travelpedia)

 

Por fim, não deixe de fazer um tour completo pelas instalações da Universidade de Coimbra. Primeiramente, para ter uma visão geral suba até a torre, onde estão os sinos que marcavam o ritmo das aulas. A vista é fantástica!

Universidade de Coimbra
Pátio da Universidade de Coimbra (Foto: Travelpedia)

 

Depois, visite o Pátio das Escolas, a Sala dos Capelos, onde são realizadas as cerimônias mais importantes, a Capela de São Miguel e o seu imponente órgão barroco.

  • Biblioteca Joanina – Possui mais de 300 mil livros e coleções raríssimas dos séculos 16, 17 e 18 dispostas em belíssimas estantes ornamentadas com talha dourada.
Biblioteca Joanina
Biblioteca Joanina (Foto: Centro de Portugal/divulgação)

 

  • Queima das Fitas – Um dos eventos mais esperados na cidade acontece sempre no mês de maio. O ritual surgiu no final do século 19, quando os estudantes do curso de Direito resolveram queimar as fitas das pastas, já que não precisariam mais delas no ano seguinte. A festa começa com uma monumental serenata nas escadas da Sé Velha. Durante uma semana várias atividades culturais são realizadas. A programação inclui concertos musicais e até um desfile dos estudantes e carros alegóricos que saem da Universidade.
Jardim Botânico da Universidade de Coimbra
Jardim Botânico da Universidade de Coimbra (Foto: Titus/Unsplash)

 

  • Jardim Botânico – Fundado em 1772, o Jardim Botânico da Universidade de Coimbra é uma Unidade de Extensão Cultural e de Apoio à Formação da instituição de ensino. Tem como missões a investigação, a conservação da biodiversidade, a educação e divulgação de ciência. Bem como especial enfoque na sensibilização para o conhecimento e importância da diversidade vegetal, das alterações climáticas e da utilização sustentável de recursos.

SERVIÇO

Bate e volta

A partir da capital portuguesa há diversas opções de passeios de um dia. Entre os destinos estão os arredores de Lisboa (Sintra, Cascais e Estoril), FátimaAlgarve, Nazaré, Óbidos, Évora e Azeitão etc.

Foto do destaque: Pixabay

Matérias mais recentes

Recomendado para você

Notícias mais lidas da semana