Logo Blog.easytravelshop

Chile tem as melhores estações de esqui do continente

Chile tem as melhores estações de esqui do continente

Ao longo da majestosa Cordilheira dos Andes, o Chile guarda alguns dos principais destinos de inverno do continente. São belas estações de esqui em montanhas com picos nevados com vilarejos charmosos. Além disso, dispõem de águas termais, vinhos deliciosos e gastronomia de classe internacional.

A maioria das estações de esqui chilenas estão espalhadas nas regiões central e Sul do país e algumas bem próximas de Santiago. Duas características marcam as localizadas no Sul. Elas integram alguns Parques Nacionais com lagos e montanhas. Do mesmo modo, a00lgumas ocupam encostas e até próximas a vulcões, o que garante condições ideais para esquiar em alta velocidade.

A combinação de neve, bons vinhos e paisagens deslumbrantes encanta os turistas curtem o frio. A seguir relacionamos algumas das estações de esqui do Chile.

Valle Nevado

Valle Nevado
Valle Nevado (Foto: Divulgação)

 

A Valle Nevado Ski Resort é considerada a principal estação de esqui e snowboard da América do Sul. Suas pistas impecáveis satisfazem esquiadores amadores e profissionais. Em plena Cordilheira dos Andes, distante cerca de 70 quilômetros de Santiago e a 3 mil metros de altitude, oferece serviços premium de hotelaria e alta gastronomia entre outros.

Valle Nevado também oferece outras atividades além do esqui aos seus visitantes. Por exemplo, esportes de aventura, trekking, mountain bike e cavalgada. Além disso, há um passeio de teleférico e observação de condores, aves típicas dos Andes.

O complexo, que tem capacidade para hospedar mais de 800 pessoas, dispõe de 44 pistas de todos os níveis, 15 teleféricos, 6 restaurantes, 6 bares, 8 condomínios de apartamentos, spa, fitness center, piscina aquecida e escola de esqui para adultos e crianças. Tudo isso mais três hotéis modernos e confortáveis: Tres Puntas (3 estrelas), Puerta del Sol (4 estrelas) e Valle Nevado (5 estrelas).

Nevados de Chillán

Nevados de Chillán
Nevados de Chillán (Foto: Divulgação)

 

Estação de esqui situada aos pés de três vulcões adormecidos (Viejo, Nuevo e Nevados), integra um incrível cenário de floresta. Situado na região de Bio Bio, a 1.650 metros sobre o nível do mar, e a 407 quilômetros ao sul da capital chilena.

Nevados de Chillán é considerado um dos centros de esqui mais completos do Chile. Além disso, é famoso pela qualidade da neve e pela beleza natural, que inclui fontes termais vulcânicas, mata nativa, montanhas e uma vista panorâmica incrível.

São mais de 10 mil hectares de área esquiável, onde são praticados diversos tipos de esportes de inverno. Entre eles estão, por exemplo, esqui nórdico e esqui alpino, além de passeios de snowmobile e trenós. Há, também, um completo snowpark (tobogã de neve).

passeio com raquetes de neve
(Foto: Divulgação)

 

Nevados de Chillán tem mais de 30 pistas, incluindo uma com 13 quilômetros de extensão, a mais longa da América do Sul. O complexo dispões também de um Parque de Águas Termais com suas quatro piscinas ao ar livre. As águas vêm diretamente da montanha e as temperaturas variam de 27°C até 65°C. Além disso, há salas com sauna à vapor em meio a uma paisagem espetacular.

O destino conta com dois ski resorts (Nevados e Valle Hermoso), dois hotéis (Nevados e Alto Nevados), oito piscinas termais (sendo uma coberta), três spas para estética, relaxamento e saúde, além de cafeterias, bares, restaurantes e uma loja para aluguel de equipamentos. Hóspedes contam com um completo programa de entretenimento.

Corralco

Corralco & Mountain Resort (Foto: Sernatur/divulgação)

 

O Corralco & Mountain Resort está na Reserva Nacional Malalcahuello e dispõe de 26 pistas com neve de alta qualidade. É o favorito de esquiadores de nível avançado. Com mil hectares de área esquiável, estã cercado por uma milenar floresta de araucária. Além disso, oferece uma linda vista do vulcão Lonquimay.

Com média anual de 9,6 metros de neve, a estação de esqui tem a mais longa temporada de inverno do país – junho a outubro. O complexo dispõe do Corralco Hotel & Spa com 54 quartos de luxo. Além disso, conta com restaurante, bar, spa, piscina coberta aquecida e jacuzzi, fitness center, sauna, sala de cinema e salão de convenções.

O leque de atividades em Corralco inclui caminhadas, cavalgadas, raquetes de neve, randonee e motos de neve.

Los Arenales

Localizado a apenas 8 quilômetros do vulcão Lonquimay, Los Arenales oferece uma alternativa menos concorrida para a prática de esportes de inverno. Bem como é um lugar para conhecer a cultura mapuche, já que diversas famílias nativas vivem na região.

O centro de esqui é composto por faixas divididas por níveis de dificuldade em 500 hectares de área esquiável. O destino possui paisagens exuberantes e fauna riquíssima. Além disso, há vários vulcões no horizonte, bem como um grande número de animais no entorno, como, por exemplo, raposas, coelhos, lebres e condores.

Las Araucarias

Las Araucarias
Las Araucarias (Foto: Sernatur/divulgação)

 

Localizado aos pés do vulcão Llaima e no coração do Parque Nacional Conguillío, a nordeste de Temuco, o centro de esqui Las Araucarias oferece atividades para todos os gostos – além do esqui, claro. Entre as possibilidades estão snowboard, randonnée (caminhadas), passeios com raquetes de neve. Jantares temáticos e festas com karaokê esperam os visitantes após um dia intenso na neve. Além disso, a região tem paisagens espetaculares, com florestas de araucárias e lagoas com águas das cordilheiras.

Antuco

O centro de esqui também está no sopé de um vulcão, o Antuco, e no interior do Parque Nacional Laguna del Laja. Com vistas espetaculares, oferece trilhas imersas em florestas nativas.

Assim, Antuco é um destino ideal para passar dias tranquilos ou aprender a esquiar sem grandes problemas. Diferentemente de outras estações chilenas, ela não recebe grandes multidões durante a temporada de inverno.

Os visitantes contam com escola de esqui, três teleféricos, loja para o aluguel de equipamentos, cafeteria, acomodações e restaurante abertos o ano todo.

Antillanca

Estação de esqui de Antillanca no Chile
Antillanca (Foto: Sernatur/divulgação)

 

O resort de inverno Antillanca é a escolha perfeita para quem curte aventuras na neve. Localizado no meio do Parque Nacional Puyehue e junto ao vulcão Casablanca, oferece a possibilidade de praticar esqui também fora das pistas tradicionais.

Diferentemente de outras estações de esqui do Chile, lá é possível fazer descidas extremas na encosta da montanha. Por isso, a área é conhecida como uma das mais radicais para o snowboard no Chile.

Pucón

Pucón no Chile
Pucón (Foto: Sernatur/divulgação)

 

Considerado um dos centros de esqui mais modernos do país, Pucón é um paraíso natural do snowboard graças aos seus half-pipes e cânions naturais. A estação está localizada pertinho do Parque Nacional Villarrica, onde está o vulcão mais ativo do Chile.

O resort de neve conta com pistas com excelente infraestrutura e recebe importantes competições de esportes de inverno em nível internacional. Esquiadores e snowboarders experientes costumam descer pelas encostas do vulcão. Essas rotas variam de 1,3 mil a 1,6 mil metros verticais. Porém, os iniciantes podem realizar caminhadas com raquetes de neve em sua base.

  • Hotel Antumalal – É excelente opção de hospedagem na região. Conta com confortáveis acomodações com lareiras, incluindo apartamentos duplos, suítes familiares e chalés com janelas panorâmicas.
  • Pucón – Cidade localizada no sul do Chile, perto da fronteira com a Argentina. Na região vive o povo mapuche, historicamente reconhecido pela brava e heroica resistência à dominação europeia no século 16.

Cerro Mirador

O Cerro Mirador Ski Center está dentro da Reserva Nacional Magalhães e oferece uma vista espetacular da cidade de Punta Arenas, com o mar ao fundo.

A estação de esqui conta com trilhas que percorrem a vegetação maravilhosa das florestas de Magalhães que a rodeia. Os visitantes dispõem de 11 pistas com neve de excelente qualidade. O ponto mais alto está a 600 metros de altura e é um excelente mirante do Estreito de Magalhães e da Terra do Fogo.

Portillo

Portillo no Chile
Ski Portillo (Foto: Divulgação)

 

Estação de esqui mais antiga da América Latina, Ski Portillo está a pouco mais de duas horas de Santiago. Com 73 anos de existência, é ideal para as famílias. Por exemplo, oferece programações para crianças, jovens e adultos.

Localizada em frente à Laguna del Inca, que embeleza ainda mais a já bela paisagem dos Andes, a estação de esqui conta com 35 pistas para todos os níveis de esquiadores e snowboarders. Além disso, dispõe de 14 meios de elevação e um sistema de fabricação de neve para garantir boas condições de pistas durante toda a temporada de inverno.

  • Hotel Portillo – É a principal opção de hospedagem e oferece 123 confortáveis apartamentos entre duplos e familiares. Conta com um fitness center, sala de ioga e alongamento, ginásio com quadra poliesportiva, piscina, jacuzzi, salão de beleza, sala de massagem, sauna, cinema, salão de jogos, escola de esqui, clínica médica e serviço de aluguel e guarda de equipamentos.
  • Estrada de Los Caracoles – Próximo a Portillo, na fronteira do Chile com a Argentina, essa estrada pode ser uma aventura e tanto. O nome já traduz bem o tamanho do desafio. São 29 curvas sinuosas, muito fechadas e sem nenhum tipo de proteção. Além disso, são mais de 3 mil metros de altitude e um cenário maravilhoso.

La Parva

Com uma belíssima vista da capital do Chile – está a apenas 38 quilômetros de Santiago e a 2,8 mil metros de altitude -, La Parva dispõe de 38 quilômetros de pistas para a prática de esqui. Além disso, os visitantes podem usufruir de 14 teleféricos e atividades como snowboard, heliski, esqui alpino e freeride.

São 40 pistas divididas nas categorias iniciantes, intermediário, avançado e expert. Quem não souber esquiar pode fazer aulas com os instrutores do local ou participar de passeios como por exemplo caminhas com raquete na neve.

La Parva conta com um condomínio e restaurantes de cozinha internacional, além de ampla estrutura hoteleira, transporte, clínica e estacionamento.

El Colorado

El Colorado
El Colorado (Foto: Chile Travel/divulgação)

 

O centro de esqui El Colorado interconecta duas aldeias com hotéis e refúgios em meio às montanhas dos Andes. Está localizada bem próximo de Santiago – apenas 39 quilômetros – e vizinha de Farellones, La Parva e Valle Nevado.

Com altitudes entre 2,4 mil e 3,3 mil metros, oferece serviços e todo tipo de atividades de neve. Tem área esquiável com 40 quilômetros e 22 pistas, sendo a mais longa com 4,3 quilômetros. São 11 para iniciantes, 4 intermédias e 3 avançadas. Além disso, há 4 exclusivas para esportistas profissionais.

Por fim, El Colorado oferece 19 teleféricos aos visitantes, sendo que o Cururo propícia uma incrível vista panorâmica da região dos Andes, bem como dois snowparks – espaços com obstáculos para fazer manobras.

  • Villa Farellones – É a mais antiga e tradicional na região. Entretanto, possui boa infraestrutura com hotéis, pousadas e apartamentos para locação. Além disso, dispõe de opções gastronômicas variadas com restaurantes, bares e pub.
Foto do destaque: Chile Travel/divulgação

Matérias mais recentes

Recomendado para você

Notícias mais lidas da semana